Blog

O que é metaverso e qual a sua relação com a educação infantil?

Postado em 17 de maio de 2022 - por codeBuddy

Desde o final de 2021, quando o Facebook mudou o seu nome para Meta, o termo metaverso está na boca das pessoas. Muito se fala sobre o tema, mas pode ser complicado saber direito o que é  tudo isso. É difícil acompanhar todas as novidades tecnológicas que estão surgindo, mas não se preocupe. Vamos juntos entender o que é metaverso, aprender sobre esse novo mundo e saber qual a importância de estar antenado no assunto para ajudar na educação infantil.

Para começo de conversa, de onde surgiu a palavra metaverso? O termo não é tão recente assim. Ele foi usado pela primeira vez em 1992 no livro Snow Crash, uma obra de ficção científica do autor Neal Stephenson. A obra narra um mundo virtual 3D, chamado de metaverso, onde avatares de pessoas reais interagem e vivem diversas experiências.

A sinopse do livro de Stephenson diz bem o que é o metaverso. Em resumo, o metaverso é um universo virtual 3D que está sendo desenvolvido para revolucionar as formas de interação e experiências sociais no mundo digital. Já imaginou estar dentro de um jogo que você tanto ama? Pois é, no metaverso isso é possível!

O metaverso não surge do nada! Existe todo um contexto tecnológico que nos leva até a possibilidade dele ser uma realidade. Temos, por exemplo, a evolução da internet, que possibilita experiências online cada vez melhores. As operadoras do Brasil estão se adaptando para disponibilizar a internet  5G aos usuários, mas na China já se fala em internet 6G. Imagina o que vai ser possível com essa velocidade de rede!

Hoje já vivenciamos conexões remotas em tempo real, seja através de videochamadas, lives, aplicativos e até em jogos online. O game Fortnite, por exemplo, é quase um mundo virtual que reúne 200 milhões de usuários, onde existem ações especiais de marcas, como lojas online dentro do jogo. Até show da cantora Ariana Grande já teve por lá! Outro exemplo de jogo é o Roblox, que permite criar seu próprio mundo em um ambiente virtual que as pessoas podem acessar.

 

Manga Pilot

 

O que o metaverso promete é tornar essas experiências ainda melhores! Sendo assim, é importante educar digitalmente as crianças e adolescentes desde cedo sobre o tema. Você pode começar agendando uma aula experimental gratuita com a gente! 🧡

O que é preciso para acessar o metaverso?

Mulher usando os equipamentos necessários para entrar no metaverso: óculos de realidade virtual, fones de ouvido e um joystick em cada mão.

O metaverso ainda está em desenvolvimento. Muita coisa ainda vai mudar na próxima década, mas já é possível acessar essa realidade virtual, onde inclusive já aconteceram algumas ativações, como por exemplo um desfile de moda de marcas de luxo.

Tá, entendi o que é metaverso, mas o que é preciso de fato para acessar esse mundo virtual 3D? Primeiro de tudo, se você tem menos de 18 anos, deve pedir autorização para os pais e estar supervisionado por um adulto. Além disso, apenas 4 coisas são necessárias para estar no metaverso:

  1. Ter uma conexão estável com a internet;
  2. Óculos de realidade virtual;
  3. Fones de ouvido;
  4. Um par de joysticks, como se fossem controles, um para cada mão.

Homem colocando equipamentos para entrar no metaverso e se transformando em seu avatar virtual.

Tirando os equipamentos, todo o resto é feito pela internet. É a partir da internet que você consegue entrar nos diferentes metaversos. Sim, existe mais de um metaverso! O metaverso em si é um conceito, o de criar mundos virtuais 3D, sendo assim, podem existir diferentes mundos, assim como existem diferentes planetas na galáxia.

O mundo virtual do Facebook, que agora se chama Meta, é o Horizon World. Contudo, além desse universo online 3D, já existem alguns outros, como o Decentraland, o Microsoft Mesh e o NVIDIA Omniverse. Ficou curioso pra desbravar esses mundos?

Como o metaverso pode ser importante na educação infantil?

Agora que já deu para entender o que é metaverso, vamos a um tema importante: onde as crianças, jovens e a educação infantil se inserem neste contexto.

Com o surgimento dos metaversos, nasce também uma nova economia dentro desse mundo online. Segundo projeções da Bloomberg Intelligence, em 2024 o universo digital pode ter um mercado que deve movimentar R$4,5 trilhões. A empresa Grayscale, por sua vez, projetou a geração de R$5,5 trilhões, em receita anual.

A chegada de diferentes possibilidades econômicas e novas formas de interação e experiências através dos mundos virtuais 3D, gera também a necessidade de novas profissões, demanda novas habilidades e afeta uma série de situações cotidianas e do dia a dia profissional.

Na área de medicina, por exemplo, especialistas dizem que essas novas tecnologias do metaverso podem ter várias possibilidades, como: cursos em que os alunos possam simular cirurgias dentro do metaverso e até o desenvolvimento de roupas inteligentes que vão captar não só o movimento, mas também avaliar situações corporais.

As possibilidades são infinitas! O fato é que de uma forma ou de outra o metaverso vai influenciar as nossas vidas. Alguns exemplos de como a rotina pode ser afetada são:

  • Alterações na forma como interagimos e vivemos algumas experiências;
  • Necessidade de desenvolver habilidades específicas;
  • Mudanças no ambiente profissional;
  • Novas possibilidades de carreira;
  • e muito mais!

O relatório de 2020 da consultora PwC prevê que, em 2030, as tecnologias de Realidade Aumentada e Realidade Virtual serão usadas em 23,5 milhões de empregos, seja para fazer reuniões, formar colaboradores ou prestar serviços para clientes.

tecnologia de realidade virtual criado pelo metaverso para realizar tarefas pessoas e profissionais, navegando no computador como se fosse um holograma.

O metaverso ainda não é indicado para menores de 18 anos, principalmente porque é uma tecnologia em desenvolvimento, mas isso não significa que você não pode educar os pequenos e pequenas sobre os temas que rodeiam essa realidade virtual 3D.

Atualmente, a alfabetização digital e o desenvolvimento da Inteligência Digital já são relevantes e devem fazer parte da educação infantil. Nos próximos anos, a tendência é que essas habilidades e conhecimentos digitais ganhem ainda mais importância. Tanto para a vida pessoal, quanto para a vida profissional.

Cada vez mais será importante entender programação, desenvolvimento de games, design e outras habilidades do mundo digital. Abra as portas para o futuro das crianças e venha com a codeBuddy fazer parte da educação digital.

Compartilhe esse texto

Tags: , , ,

< Blog >

Outros artigos

6 competências que ensinamos na codeBuddy sobre segurança na internet

6 competências importantes para segurança na internet

4 coisas que você precisa saber sobre a Educação 4.0

4 coisas que você precisa saber sobre a Educação 4.0

O que é metaverso e qual a sua relação com a educação infantil?